25/04/2022

25 DE ABRIL, - DIA DA LIBERDADE

 





Abril

Havia uma lua de prata e sangue
em cada mão.

Era Abril.

Havia um vento
que empurrava o nosso olhar
e um momento de água clara a escorrer
pelo rosto das mães cansadas.

Era Abril
que descia aos tropeções
pelas ladeiras da cidade.

Abril
tingindo de perfume os hospitais
e colando um verso branco em cada farda.

Era Abril
o mês imprescindível que trazia
um sonho de bagos de romã
e o ar
a saber a framboesas.

Abril
um mês de flores concretas
colocadas na espoleta do desejo
flores pesadas de seiva e cânticos azuis
um mês de flores
um mês.

Havia barcos a voltar
de parte nenhuma
em Abril
e homens que escavavam a terra
em busca da vertical.

Ardiam as palavras
Nesse mês
e foram vistos
dicionários a voar
e mulheres que se despiam abraçando
a pele das oliveiras.

Era Abril que veio e que partiu.

Abril
a deixar sementes prateadas
germinando longamente
no olhar dos meninos por haver.


José Fanha, Lisboa, Portugal
(Do livro  "Tempo azul")

10 comentários:

  1. José Fanha, sem dúvida, um grande poeta que gosto de ler
    .
    25 de abril sempre. Sabe porque é que a revolução aconteceu em Abril e não noutro mês do ano? Escrevi sobre isso
    .
    Abraço.
    .
    Pensamentos e Devaneios Poéticos
    .

    ResponderEliminar
  2. Qué buen poema, amiga, nos cuenta una historia de luces y sombras, un recuerdo a un abril de sebe Dios cuantos años.
    Te felicito por traerlo a tu espacio, pasé un precioso rato de lectura poética. Gracias de nuevo, Elvira.

    ResponderEliminar
  3. Un precioso poema para el mes de Abril, al que le falta poco tiempo para llegar a su término.

    Besos

    ResponderEliminar
  4. Boa tarde Elvira,
    Um poema muito belo sobre Abril!
    José Fanha, um grande Poeta.
    Beijinhos e saúde.
    Ailime

    ResponderEliminar
  5. Belas palavras!! Primeira vez que visito seu blog, desejo muito sucesso!
    garotastarfashion.blogspot.com

    ResponderEliminar
  6. Bonito poema de Abril.
    Fanha é um grande poeta.
    Abraço Elvira

    ResponderEliminar
  7. Esperemos que as gerações vindouras sejam lembradas pelos Pais do que era antes de Abril, das dificuldades, da guerra dasa Colónias, da opressão, do fascismo, da PIDE, de todas as coisas más de uma sociedade má para todos nós, as pessoas honestas, claro !!!

    ResponderEliminar
  8. Tão belo de se ler, minha querida Elvira!
    Um doce beijinho!
    Gratidão!
    Megy Maia 🌸💋🌸

    ResponderEliminar

ESTE ESPAÇO É MUITO ESPECIAL. POR FAVOR TORNE-O MAIS ESPECIAL DEIXANDO A SUA OPINIÃO. BOA OU MÁ NÃO IMPORTA. SÓ COM ELA EU POSSO MELHORAR.

ESTE BLOGUE NÃO OFERECE NEM ACEITA SELOS. AGRADEÇO O VOSSO CARINHO E A VOSSA COMPREENSÃO.

MUITO OBRIGADA E VOLTEM SEMPRE.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...